Obrigado pela visita!!!

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2008

TRAJE DE MORDOMA.

CAMISA DE CORTE TRADICIONAL,

BORDADA A PONTO DE CRUZ COM FIO AZUL
NO CÓS, CARCELA, OMBREIRAS E MANGAS.
COLETE DE TRESPASSE DE TECIDO DE LÃ
AZUL COM BARRA DE VELUDO PRETO ,
DECORADO COM BORDADOS APLICADOS DE MISSANGAS E VIDRILHOS, FORMANDO MOTIVOS FLORAIS .
SAIA COMPRIDA DO MESMO TECIDO AZUL ,
DECORADA COM REFEGOS,FORRO DE VELUDO PRETO COM BORDADO APLICADO IDÊNTICO AO DO COLETE, GUARNECIDO NA ORLA, COM FOLHO DE CETIM PRETO.

AVENTAL DE VELUDO NEGRO,DECORADO NO CENTRO COM ESCUDO REAL ENVOLVIDO COM MOTIVOS VEGETALISTAS ,TERMINANDO COM FITA PRETA DE CETIM TRABALHADA E FOLHO DO MESMO TECIDO .
SEGURA NA MÃO UMA VELA VOTIVA (OU UM PALMITO) .A VELA VOTIVA É ADORNADA COM FLORES DE PAPEL METALIZADO E A BASE ENVOLVIDA NO LENÇO BRANCO DE NAMORADO , BORDADO A PONTO DE CRUZ COM LINHA VERMELHA , FORMANDO MOTIVOS DE SIMBOLOGIA AMOROSA.
NA CABEÇA, LENÇO DE SEDA VERMELHO.
PEITO ADORNADO COM UMA GRANDE VARIEDADE DE PEÇAS DE
OUROS TRADICIONAIS :COLAR DE CONTAS, CORDÕES COM CRUZES E CORAÇÕES FILIGRANADOS,PEÇAS,AFAGADORES E NAS ORELHAS BRINCOS À RAINHA.CALÇA MEIA BRANCA RENDADA
E CHINELAS PRETAS.
SER ESCOLHIDA PARA MORDOMA DA FESTA DO SANTO VENERADO NA TERRA ERA MOTIVO DE GRANDE ORGULHO E DISTINÇÃO , DESEJADO POR TODAS AS RAPARIGAS .
ESTE CARGO MUITO PRESTIGIANTE E HONROSO,SIGNIFICAVA O
DESENPENHO DE UMA ATIVA PARTICIPAÇÃO NOS PREPARATIVOS DA FESTA ,NA RECOLHA DE OFERENDAS E DONATIVOS ,MAS
EXIGIA-LHES TAMBÉM UMA VIDA SEM MÁCULA ,ISTO É ,SEREM
SOLTEIRAS E VIRGENS .
A FESTA REVESTIA-SE ,POR ISSO,DA MAIOR IMPORTÂNCIA E SOLENIDADE,MANIFESTADAS NO TRAJE PRÓPRIO USADO PELA MORDOMA.
COMO NÃO PODIA DEIXAR DE SER ,ERA QUASE TÃO RICO COMO O TRAJE DE NOIVA, DESTINGUINDO-SE PELA COR AZUL ALFAZEMA,
PELA AUSÊNCIA DA CASAQUINHA ,SUBSTITUIDA PELO COLETE,
E PELOS ACESSÓRIOS PRÓPRIOS:A MORDOMA LEVA NA MÃO A VELA VOTIVA (OU PALMITO) ,MUITO ENFEITADA E NA
CABEÇA UM LENÇO DE COR.

Fonte: O trajo regional em Portugal , de Tomáz Ribas

2 comentários:

Anônimo disse...

Muito obrigado pelo post. Permita-me umas pequenas correcções, que embora não sejam de grande importância, são inevitáveis depois da leitura: O traje da primeira foto é todo azul. Desde a fazenda, ao veludo e às rendas. Esse traje é diferente dos demais precisamente por ser todo ele da cor azul. Isso é o que o torna um dos mais belos exemplares. O que seguro na mão não é uma vela votiva, mas sim um palmito. E a distinção da cor não se faz pela ausência da casaquinha, mas sim porque se trata de um traje de filha única, que primava pela diferença e pela maior riqueza do traje e do ouro que envergava. De qualquer modo, com ou sem estes reparos, é sempre bom que se fale nas nossas tradições. Mais uma vez obrigado pela dedicação.

LUIZ - FOLCLORE PORTUGUÊS disse...

Obrigado anônimo, pelas suas observações!!
coloquei duas fotos diferentes para se ver as diferenças, portanto na primeira foto a mordoma leva na mão um palmito e na segunda, a vela votiva.
Quanto a cor do traje pelo que se sabe , o de cor azul era usado pelas raparigas mais abastadas , e o de cor preto usado pelas raparigas de menos posses podendo assim ser usado mais tarde no casamento.
Mais uma vez obrigado pelas suas observações!!
um abraço.